SEGUNDA FEIRA, 22 DE JANEIRO DE 2018

Goiás ganhará o Caminho de Cora Coralina em março
Data de publicação: 12 de janeiro de 2018 - 7:30


O Caminho de Cora Coralina percorrerá sete cidades históricas

O Caminho de Cora Coralina percorrerá sete cidades históricas

Os adeptos de caminhadas históricas, ecológicas e culturais podem comemorar. Inspirado em um dos principais nomes da literatura goiana, o Governo do Estado inaugura, em março, o Caminho de Cora Coralina. O projeto gerido pela Goiás Turismo foi idealizado seguindo o modelo do Caminho de Santiago, na Espanha.

Governo inspirou na poetisa para dar nome ao Caminho

Governo inspirou na poetisa para dar nome ao Caminho

Com 282 quilômetros, a trilha repete o percurso usado pelos bandeirantes há centenas de anos. Entre paisagens do cerrado, o viajante passa por belas residências dos séculos 18 e 19, ruínas de antigas lavras de ouro, fazendas e cidades histórias. As casas próximas ao trajeto são habitadas, em geral, por trabalhadores da região.

O Caminho começa por Corumbá de Goiás e termina na cidade de Goiás, antiga capital e local de nascimento da poetisa que deu nome à trilha. Passa ainda, por outras cidades históricas, como Pirenópolis, Jaraguá, Itaguari e Itaberaí. Em todos os sete municípios do trajeto há locais para hospedagem, especialmente nas cidades maiores.

João Lino, gerente de projetos, produtos e pesquisas turísticas da Goiás Turismo, conta que a proposta começou a ser avaliada em 2013, quando empresas de consultoria foram contratadas. João ficou responsável pela pesquisa de campo e pelo conceito do caminho. Segundo ele, a Goiás Turismo tem trabalhado desde 2014 com alguns roteiros de unidades de conservação, mas, desde o ano passado focou em percursos de longo curso. “Por isso, o Caminho de Cora Coralina é o nosso projeto experimental”, comenta.

A comunidade ajuda na sinalização do Caminho com pinturas nas árvores e postes

A comunidade ajuda na sinalização do Caminho com pinturas nas árvores e postes

A ideia – diz o gerente – é associá-lo a mais áreas que envolvam unidades de conservação e ligá-lo à Chapada dos Veadeiros. “Hoje, temos de 50 a 60 km do caminho sinalizado. Temos usado pinturas nas árvores e postes, porque, assim, não há risco de danos a elas. Estamos contando com apoio da comunidade e de voluntários para auxiliar nesse processo. Além de gerar menos custos e uma sensação de pertencimento, esse tipo de ação trabalha a educação ambiental, cultural e turística dos moradores da área”, destaca João Lino.

O lançamento oficial do Caminho de Cora Coralina está previsto para 23 de março. Até lá, o projeto inclui a divulgação do mapa oficial de todo o percurso, de uma planilha para os usuários caminhantes e cicloturistas e de um site do projeto. “Estamos tentando lançar um aplicativo que reúna todas essas informações. A intenção é tematizar o roteiro em cima da poesia, de paisagem, de gastronomia e de cultura. A poesia será um diferencial”, assinala João Lino.






Gabinete de Gestão de Imprensa do Governador
Palácio Pedro Ludovico Teixeira, Rua 82, nº 400, 9º Andar, Setor Central. GOIÂNIA/GO. CEP: 74.015-908
Fone Redação: (62) 3201-5954
goiasagora@abc.go.gov.br